blog Eric Alatza

25 anos de “O Ponto Azul Pálido”

19/02/2015 por Eric Alatza

Em 14 de fevereiro de 2015 a foto histórica “The Pale Blue Dot”, ou “O Ponto Azul Pálido” completou 25 anos e isso é muito importante. Esta foto deve ser uma eterna celebração à humildade do ser humano, à fragilidade e ao valor inestimável e único que tem o planeta Terra.

Em 5 de setembro de 1977, a sonda espacial Voyager 1 foi lançada ao espaço com a missão de explorar o sistema solar exterior e até mesmo o espaço interestelar. Acreditava-se que a sonda só se manteria funcionando até sua passagem por Saturno. Após passar pelo planeta e completar sua missão primária em 1980 o astrônomo e autor Carl Sagan, que fazia parte da equipe de imagens da missão, sugeriu à equipe que as câmeras da sonda fossem apontadas para trás e que uma foto da Terra fosse tirada. Sagan reconhecia que a foto não teria valor científico pois a Terra apareceria muito pequena na foto, mas mesmo assim a foto teria muito significado como uma perspectiva de onde estamos no universo. Como ele estava certo.

Após muito debate, preparação para duas novas missões e a insistência de Sagan, a NASA finalmente, em 14 de fevereiro de 1990, concordou em virar as duas câmeras da sonda e uma série de fotos foi tirada onde foram capturados os planetas Júpiter, Terra, Vênus, Saturno, Urano, Netuno e o Sol. A série de fotos ficou conhecida como o “Retrato da Família”. Entre as fotos da série, a que capturou nosso planeta Terra foi batizada por Carl Sagan como “O Ponto Azul Pálido”.

Nesta foto, a Terra aparece como um pequeno ponto azul pálido aninhado num faixo de luz dourada, resultado do brilho do Sol. A foto foi tirada a mais de 6.000.000.000 de quilómetros da Terra, com a sonda viajando a 64.000 Km/h e na imagem o ponto azul, a Terra, tem apenas 0,21 pixel em tamanho. A lição de humildade e perspectiva de valores que tive na primeira vez que vi essa foto foram imensas, mas o texto escrito pelo próprio Carl Sagan para “O Ponto Pálido Azul” vai muito mais longe. Acompanhe no video abaixo o que representa essa foto para Sagan em sua própria narração:

Share on FacebookTweet about this on Twitter

Comentários

  • Dina disse:

    Lindo seu post. Essa é a nossa realidade. Quem sabe nâo passa um pouco de humildade à pessoas que pensam que estâo acima de tudo e de todos.

  • Escreva um comentário ou resposta.

    Seu e-mail não será gravado. campos obrigatórios (*).